3º Prêmio Inspirar reconhece atuação de professores em diversas áreas

Os vencedores do 3º Prêmio Inspirar foram revelados na noite de terça-feira, dia 14. A iniciativa premia o corpo docente da Faculdade, valorizando as características dos profissionais que se destacam, de alguma forma, em sua atuação profissional. Nesta edição, o prêmio foi estruturado em cinco categorias e obteve 2000 votos de alunos da graduação e do Colégio Avantis, um novo recorde em relação ao ano anterior.

O professor André Gobbo foi vencedor nas categorias O Mestre - dedicado ao profissional que se destaca por ser um filósofo por natureza, que tem muita sabedoria e sempre contribui com recomendações assertivas – e Das Causas pelo engajamento em ações que promovem a solidariedade e igualdade social em prol de um mundo mais justo.

O prêmio de Parça foi conquistado pela docente Gabriela Fonseca d’Acampora pela parceria com os acadêmicos e, acima de tudo, o esforço para planejar aulas que sejam o mais agradáveis possível, conquistando a turma com sua simplicidade e simpatia.

Já na categoria Sustentável, a professora Angélica Cavalett levou pra casa o troféu por inspirar os outros a fazerem o bem pelo mundo, ensinando práticas em prol do meio ambiente. O prêmio de “Inventivo” foi concedido ao professor Alonso Romero Fuentes Filho, em reconhecimento às suas atitudes inovadoras, incentivo à criatividade e aulas com formatos diferentes.

Durante a entrega, o Diretor de Gestão de Pessoas da Avantis, Alexandre Werner, comentou que a ação busca valorizar os professores que inspiram os acadêmicos dentro e fora da sala de aula. “De maneira geral, acreditamos que quem busca a profissão de professor quer, de certa forma, inspirar os outros. Neste sentido, o prêmio busca valorizar nossos docentes que se destacam em cinco quesitos: inovação, sustentabilidade, sabedoria, social e parceria”. Ele também destacou o número de votos, que aumenta a cada edição. “Isto nos traz muita alegria, pois este feedback nos mostra que cada vez mais nossos professores vêm fazendo a diferença nas vidas de nossos acadêmicos”, comentou.